Erros de SEO no E-commerce Que Você Não Pode Cometer

Principais erros de SEO no e-commerce

Erros de SEO no E-commerce Que Você Não Pode Cometer

É infelizmente incrível como alguns erros de SEO no e-commerce podem simplesmente acabar com a possibilidade de uma loja virtual e seus produtos serem listados em destaque nas páginas de respostas do Google e outros grandes buscadores.

A aplicação de técnicas de SEO – Search Engine Optimization, otimização de sites para ferramentas de busca, é fundamental para tornar a tornar a loja mais fácil de ser encontrada, contribuindo assim para a geração de tráfego.

Além disso, ao conquistar uma boa posição nas páginas de pesquisas, o empreendedor do e-commerce economiza uma boa grana, já que não precisará gastar dinheiro com links patrocinados, como Google Ads.

Muito embora a maioria dos empreendedores do setor reconheça a importância de ter uma estratégia de SEO pata suas lojas virtuais, o fato é que frequentemente observamos muitos erros de SEO no e-commerce que poderia ser facilmente evitados.

Principais Erros de SEO em Lojas Virtuais

A seguir, vamos apresentar os principais erros de SEO em lojas virtuais e como você pode evitar essas armadilhas.

Vamos então analisar cada uma dessas situações e mostrar o que você pode fazer para não ter problema na hora de conquistar posições de destaque nas pesquisas no Google e outros buscadores.

1 – Usar A Palavra-Chave de Forma Inadequada

Compreender a importância das palavras-chave é fundamental para executar um trabalho eficaz de SEO, garantindo resultados satisfatórios.

Um dos erros de SEO no e-commerce mais comuns é o inadequado uso das palavras-chave escolhidas nos diversos elementos que constituem uma página.

Usar uma palavra-chave de maneira adequada não é repetir exaustivamente essa palavra no conteúdo descritivo dos produtos, como muitos ainda acreditam.

Essa prática, inclusive, pode trazer diversos problema para o ranqueamento do site no Google. Ele pode entender essa prática como tentativa de Keyword Stuffing, uma prática severamente penalizada pelo Google.

O ideal nesse caso em manter a densidade da palavra-chave em um nível de 1,5% a 2,5% do total do texto.

Além disso, é importante lembrar que há muitos outros locais estratégicos nos quais é fundamental fazer a inclusão da palavra-chave, além do conteúdo descritivo.

A palavra-chave deve estar presente na URL da página, no Título, nas Meta Descriptions, na Alt Tag da imagem do produto e outras situações.

2 – Não Usar URLs Amigáveis

O conceito de URL Amigável é a prática de inserir a palavra-chave na estrutura da própria URL da página de descrição de produto.

Em nosso Curso SEO MarterClass costumo dizer que a URJ é a primeira conversa que a página tem com o Google. É nele que damos a nossa primeira informação sobre o assunto que iremos abordar no conteúdo descritivo do produto.

Para algumas pessoas, pode até parecer que se trata-se apenas de um detalhes, mas na verdade é super importante e considerado um erro de SEO no e-commerce, que você não pode cometer.

Por isso é tão importante seguir boas práticas de SEO ao montar sua estrutura de URLs.

3 – Títulos Que Não Destaquem o Produto

As páginas de produtos demandam uma otimização perfeita para serem facilmente encontradas por aquelas pessoas que têm a intenção de compra.

Um dos aspectos mais cruciais do SEO On-page no e-commerce é o título da página, que funciona como a promessa inicial, antecipando o conteúdo da página.

Um dos erros de SEO no e-commerce que pode comprometer em muito o desempenho da sua loja virtual, é não se comunicar direito com o seu público, utilizando títulos vagos, e não pontuais.

Ao invés de usar títulos genéricos para as páginas de detalhes de produtos, é recomendável personalizá-los de acordo com o item oferecido.

Dada a dificuldade de evitar a repetição de palavras-chave em um e-commerce que comercializa produtos semelhantes ou de marcas idênticas, a sugestão é criar frases únicas.

A abordagem ideal envolve a criação de uma estrutura que varie conforme o nicho e a diversidade de produtos.

Por exemplo, o formato Item, Modelo, Marca e Cor, costuma funcionar muito bem para lojas virtuais de roupas, acessórios, eletrônicos e tantas outras.

Erros de SEO no E-commerce

4 – Copiar a Descrição do Fabricante

Um dos erros de SEO no e-commerce mais comuns é copiar a descrição do fabricante e colocá-la na página de detalhes do produto em uma loja virtual.

As descrições do fabricante não são feitas para atrair o consumidor ou facilitar que o seu produto seja encontrado através dos motores de pesquisa.

Elas costumam ser genéricas e até técnicas demais, além de não conterem os termos normalmente pesquisados pelos consumidores.

Além disso, boas descrições contribuem também para a experiência do usuário, já que dão a ele uma boa noção do que esperar ao acessar sua página.

Sendo assim, nada de usar descrições genéricas. Por outro lado, também não use esse espaço apenas com palavras-chave. Crie descrições envolventes e argumentativas.

Outro dos erros de SEO no e-commerce é não trabalhar das a devida atenção à questão do SEO on-page para lojas virtuais, uma questão que você também pode corrigir nessa etapa do trabalho.

Uma boa dica é usar o ChatGPT no e-commerce, para a criação d descrições de produtos, usando técnicas de Copywriting. Funciona muito bem.

5 – Conteúdo Duplicado na Loja Virtual

Conteúdo duplicado representa um desafio significativo, gerando não apenas uma competição desnecessária entre páginas do mesmo site pelo destaque no Google, mas também podendo resultar em penalizações.

O problema surge quando é possível acessar o mesmo conteúdo por meio de diferentes URLs, mesmo usando requisições diferentes na plataforma de e-commerce, como visualização de categorias, por exemplo.

Dizemos que este é um dos maiores erros de SEO no e-commerce porque nesses casos, o Google enfrenta a dificuldade de identificar qual URL é a “original”, aquela que merece os créditos pelo conteúdo em questão.

É um dos erros de SEO no e-commerce que muita gente nem percebe que está cometendo, por não ter uma estratégia de SEO Estrutural.

A solução para esse impasse é a inclusão do que denominamos Canonical Tag na URL principal.

Essa tag específica declara que a página em questão é a versão que deve ser indexada, eliminando assim todos os problemas mencionados anteriormente.

Outra solução, se a sua plataforma de e-commerce permitir, é fazer a configuração NoIndex, NoFollow nas páginas secundárias.

6 – Não Utilizar Alt Text Nas Imagens de Produtos

As imagens ainda não são totalmente compreendidas com precisão pelos algoritmos dos sites de pesquisa, o que significa que é essencial descrevê-las para que possam ser interpretadas corretamente.

Dado que imagens de alta qualidade são elementos que aprimoram a experiência do usuário, há um interesse dos motores de busca em ranquear páginas que incorporam esses recursos.

No entanto, muitas lojas deixam de aproveitar a oportunidade de atrair tráfego qualificado ao não otimizar suas imagens, um dos erros de SEO no e-commerce que pode ser facilmente solucionado.

Nesse caso, a solução é utilizar a tag Alt Text, que fornece uma descrição textual do que a imagem representa.

Além disso, otimizar as imagens apresenta a vantagem adicional de atrair tráfego proveniente da busca direta por imagens, uma funcionalidade existente há algum tempo nos principais motores de busca.

7 – Não Usar Recursos de Schema Markup

Outro que podemos qualificar como um dos principais erros de SEO no e-commerce é não utilizar os recursos de Schema Markup para destacar os produtos.

Esse é um recurso de última geração que fornece detalhes sobre o conteúdo para as ferramentas de busca, melhorando assim o conceito da página justo aos buscadores.

Recentemente em uma mentoria de SEO que estávamos conduzindo, o participante alegou que esse seria um recurso dispensável, já que pouca gente usa.

Eu ponderei que essa é justamente a vantagem. Como muito pouca gente usa esse recurso, você pode incorporar esse fator à sua estratégia de SEO para e-commerce.

Erros de SEO em Lojas Virtuais

8 – Não Atentar Para a Necessidade de SEO Off-page

Por último em nossa lista dos principais erros de SEO no e-commerce é não ficar atento para a necessidade de SEO Off-page.

Essa dimensão do SEO consiste em conseguir links relevantes para a sua loja virtual, através de outros sites, redes sociais, diretórios de produtos e serviços e outros.

Isso é importante, porque na hora do Google classificar os sites, ele leva em consideração o número de links de outros sites que apontam para o seu.

Por isso, é importante criar parcerias com blogs e outros sites diretamente relacionados ao seu nicho de mercado, para aumentar a sua Autoridade do Domínio e se classificar melhor nas páginas de respostas.

9 – Páginas de Carregamento Lento

Páginas que demoram consideravelmente para carregar acabam sendo negligenciadas pelos mecanismos de busca, sendo relegadas, no mínimo, a posições menos proeminentes nas páginas de resultados.

Mas por que esse seria um dos erros de SEO a serem evitados? A resposta é simples. A experiência do usuário representa um dos critérios mais importantes para o ranqueamento em buscadores como o Google e outros.

Os usuários se acostumaram a obter respostas rápidas durante a navegação online. Sendo assim, aguardar, mesmo que seja um segundo a mais pelo carregamento de uma página pode levar uma pessoa a desistir da pesquisa ou buscar outro site.

Para evitar essa situação, é fundamental aplicar boas técnicas de desenvolvimento, tais como compressão de imagens, utilização adequada de tags e a eliminação de códigos desnecessários.

Além disso, a otimização do site para dispositivos móveis é tão crucial que será o nosso próximo ponto de discussão.

10 – Loja virtual Não Responsíva

A maioria das pessoas hoje em dia utiliza a internet por meio de dispositivos móveis, como celulares e tablets. Algumas, inclusive, só possuem esse tipo de aparelho e não têm familiaridade com desktops e notebooks.

Por isso, não adianta criar lojas virtuais que sejam visualmente atraentes em monitores de 15″, mas que se tornem verdadeiros desafios de navegação em smartphones com telas de 5″.

Aqueles que optam por essa abordagem também enfrentam o risco de terem posições mais baixas nos rankings de busca, além de desperdiçarem o pouco tráfego que conseguem atrair.

A solução para esse dilema, que é sim, hoje em dia um dos maiores erros de SEO no e-commerce, é investir no design responsivo, uma prática cada vez mais comum e fácil de ser aplicada.

Por meio do design responsivo, sua loja virtual estará pronta para ser acessada em qualquer tamanho de tela, recebendo uma avaliação positiva por parte dos algoritmos dos motores de busca.

11 – Ignorar o Conteúdo Gerado Pelo Usuário

Outro na lista dos erros de SEO no e-commerce é ignorar a força que os comentários feitos por clientes têm no processo de otimização de lojas virtuais para ferramentas de busca.

O conteúdo gerado pelo usuário representa uma ferramenta poderosa para otimização de SEO, uma vez que os mecanismos de busca interpretam que uma página com muitas interações é confiável e relevante.

É comum deparar-se pela internet com lojas que não priorizam esse tipo de conteúdo em suas estratégias, especialmente por meio de avaliações de clientes que já efetuaram compras.

A grande maioria dos consumidores online procura referências de outros compradores antes de concretizar uma compra, seja sobre o produto em si ou em relação à loja que o comercializa.

Dessa forma, incentivar avaliações e depoimentos por parte de seus clientes atuais é fundamental para fortalecer sua estratégia de SEO.

Conclusão

Evitar os principais erros de SEO no e-commerce é essencial para melhorar a visibilidade online, atrair tráfego qualificado e impulsionar as vendas de qualquer loja virtual.

Ao otimizar as URLs, criar descrições de produtos únicas, fornecer conteúdo relevante, otimizar imagens e desenvolver uma estratégia de link building, você estará no caminho certo para alcançar resultados surpreendentes.

Lembre-se de que o SEO é um processo contínuo e que requer monitoramento e ajustes constantes.

Mantenha-se em dia com as melhores práticas de SEO e esteja sempre atento às mudanças nos algoritmos dos motores de busca.

Com dedicação e estratégia, você poderá obter sucesso no mundo do e-commerce e conquistar uma posição de destaque no mercado.

Agora que você já conhece os principais erros de SEO no e-commerce e sabe como evitá-los, é hora de colocar em prática as estratégias e alcançar o sucesso que você deseja. Boa sorte e bons negócios online!

Por Alberto Valle

Por Published On: 16/03/2024

Leave A Comment